Enfermeiros prometem parar se prefeitura de Dourados não pagar salários

-

O Sindenf-MS (Sindicato dos Servidores dos Setores de Enfermagem da Grande Dourados) protocolou nesta terça-feira (12), um documento na prefeitura de Dourados, informando ao prefeito Alan Guedes (PP) que a categoria vai paralisar as atividades de forma parcial até a próxima sexta-feira-feira.

A medida foi tomada pela categoria devido a não quitação da folha de pagamento referente ao mês de dezembro 2020 e o documento assinado pela presidente do sindicato, Elizabeth Pereira Neto Oliveira, já sinaliza uma possibilidade de greve da categoria.

O sindicato que representa cerca de 350 profissionais do setor de enfermagem, considera o atraso de pagamento da categoria, um desrespeito justamente em um momento de pandemia e onde o número de casos de pacientes de Covid 19 aumenta e quase todos os leitos de UTI’s destinados ao tratamento do coronavirus estão ocupados no município.

Até o final desta terça-feira, a prefeitura de Dourados ficou de apresentar uma solução para a reivindicação dos profissionais de enfermagem e de outras categorias que já ameaçam parar suas atividades devido à falta de pagamento.

Na semana passada durante uma coletiva de imprensa, Guedes disse que encontrou o caixa da prefeitura zerado, já o ex-secretário de Fazenda da gestão Délia Razuk, disse que havia recursos suficientes em caixa para o pagamento da folha e a nova gestão não tinha se preparado para as operações contábeis necessárias para ter acesso ao dinheiro.

O documento foi endereçado ao prefeito Alan Guedes e ao secretário de Saúde de Dourados.(Foto: Reprodução)

VEJA TAMBEM