Novo ministro da Justiça tem “sua própria PF”, diz Bolsonaro

-

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a defender nesta manhã (6) mudanças no Ministério da Justiça e Segurança Pública durante cerimônia de posse do novo chefe da pasta, Anderson Torres. Segundo destacou, o indicado terá sob seu comando “sua própria Polícia Federal”.

“Não é fácil e não é um Ministério complicado, mas é um ministério que tem muita responsabilidade. Abaixo de você, ali, diretamente subordinada entre outras, né, a sua própria Polícia Federal”, disse Bolsonaro nesta manhã.

Advertências de ingerência na PF, em abril do último ano, feitas pelo ex-ministro e ex-juiz Sérgio Moro, levaram à demissão do ex-magistrado. À época, Bolsonaro pressionava pela troca no comando da Polícia Federal, o que, segundo Moro, poderia levar a “relações impróprias”.

Segundo Bolsonaro, durante cerimônia hoje, “é natural as mudanças”. “E a gente sabe que você Torres, todas as mudanças que efetuará no seu Ministério é para melhor adequá-lo ao objetivo, ao qual você traçou. Você quer o Ministério da Justiça o mais focado possível para o bem de todos em nosso País.”

VEJA TAMBEM