Os agentes destruíram também equipamentos usados para o preparo da droga. (Foto: SENAD)

Equipes da SENAD – Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai desmontaram e destruiram três áreas de atuação do narcotráfico com grande produção e preparo de maconha existentes em Capitão Bado. Agentes Especiais da SENAD, acompanhados pelo promotor interino Gabriel Segovia, realizaram a operação antidrogas na área rural conhecida como Cristino Potrero, distrito de Captan Bado, departamento de Amambay.

No local, encontraram um complexo de três campos para a produção, processamento e coleta de maconha em grandes volumes. Foram encontrados 499 quilos de maconha prensada, 1.825 quilos de maconha que seriam prensados, equipamentos como prensas de ferro, guilhotinas, macacos hidráulicos, entre outros.

Os policiais também cortaram 1 hectare de plantação de maconha, o suficiente para a produção de 3 toneladas da droga. Estima-se que a operação tenha permitido tirar de circulação pelo menos 5.300 quilos de maconha, causando aos traficantes uma perda de cerca de 160 mil dólares.