Ataque a fazenda no Paraguai deixa um brasileiro morto e a esposa ferida

-

Policiais da Força Tarefa Conjunta (FTC) está investigando um ataque que aconteceu neste sábado (12) na Estância San Jorge na localidade de Jevika na zona rural da cidade de Sargento José Félix López, conhecido como Puentesiño e deixou um morto e uma mulher ferida.

De acordo com informações do Comissário Peralta da Polícia Nacional, entre seis e oito homens armados chegaram na propriedade rural com uniformes camuflados e com os rostos cobertos, com armas longas e passaram a atirar contra as pessoas que estavam no local. José Fernandes Alves de 38 anos, foi levado ferido para o Centro de Saúde de Puentesiño, onde chegou morto.

Elis Regina de Lima de 36 anos levou um tiro na cabeça e foi levada para o Hospital Regional de Pedro Juan Caballero, mas não há informação sobre o estado de saúde dela.

O local onde aconteceu o ataque é uma zona de forte atuação do grupo guerrilheiro Exército do Povo Paraguaio (EPP), mas as autoridades não confirmam se o episódio desta tarde esteja ligado a membros do grupo.

Elis Regina e José Fernandes estavam passando o final de semana na Estância San Jorge pois são amigos do proprietário da fazenda que fica no Departamento de Concepción.

Um brasileiro morre e a esposa fica ferida em ataque a fazenda no Paraguai.(Foto: Divulgação)

VEJA TAMBEM

MS em Foco. Todos os direitos reservado.