A maconha foi encontrada escondida em meio a carga de milho.(Foto: Divulgação)

Um caminhoneiro identificado como sendo Odair Marinho dos Santos de 41 anos, morador e 7 Quedas foi abordado na manhã desta sexta-feira (7), no Posto de Fiscalização da Polícia Rodoviária Federal na BR 163 em Rio Brilhante. Bastante nervoso ele disse que carregou milho no distrito Nova Itamarati em Ponta Porã e iria entregar em Toledo (PR). Ele estava acompanhado do filho Matheus de 18 anos, que disse que o pai iria deixa-lo na casa da mãe em Campo Grande e depois levaria a carga para o Paraná.

Enquanto os policiais conversavam com o rapaz, Odair aproveitou e fugiu, abandonando a carreta Mercedes Benz/LS 1938, cor branca e placa MAZ 9685, tracionando o semirreboque Noma, cor branca e placa AET7958.

A carreta foi levada para uma cerealista das proximidades e o milho foi descarregado e diversos fardos de maconha foram localizados, totalizando 2 toneladas e 100 quilos da droga.

 Matheus afirmou que não sabia que o caminhão continha entorpecente e relatou que seu pai lhe entregou uma nota falsa deu uma nota falsa para ele guardar na carteira.

Ele foi levado juntamente com a maconha e a carreta para a Polícia Civil de Rio Brilhante e autuado em flagrante. O pai dele continua sendo procurado pela polícia.