O Deputado Estadual Lucas de Lima (Solidariedade), votou a favor para a criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Energisa nesta quarta-feira (06/11), que cria a investigação dos altos valores nas contas de energia que são cobradas dos usuários no estado de Mato Grosso do Sul pela concessionária Energisa.

O intuito dos parlamentares da Casa de Leis é dar uma resposta para a população do estado. A CPI foi criada na manhã desta quarta-feira pelo fato determinado, de que cobranças irregulares foram e estão sendo feitas.

Com fundamento em diversas representações/reclamações junto à Casa de Leis, Procons, Ministério Público e Poder Judiciário, em razão do fato de haver possíveis irregularidades no sistema de medição de energia elétrica e na leitura de consumo. No Procon, existem mais 500 denúncias de cobranças abusivas, este é o principal fato que criou a Comissão Parlamentar de Inquérito.

“Eu me sinto muito a vontade para votar a favor da população sul-matogrosssense, existem muitas famílias que não tem nem chuveiro quente em casa e pagaram contas absurdas no início do ano. Por outro lado tem famílias que viajaram nas férias, deixaram suas casas fechadas e tiveram que pagar valores fora da realidade. A Energisa precisa verificar a medição dos medidores de energia, o quanto o consumidor realmente gastou. É uma CPI de todos os deputados desta casa, todos nós estamos preocupados com esta situação”, destacou o deputado Lucas de Lima.