Cassems e Sogomat-Sul realizam live para debater a gravidez na adolescência

-


 Nesta quinta-feira (11), às 15h, a Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems), em parceria com a Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Estado de Mato Grosso do Sul (Sogomat-Sul), realiza uma transmissão ao vivo sobre “Prevenção à Gravidez na Adolescência”, em alusão ao mês de conscientização do tema, com participação de profissionais da saúde especializadas na problemática.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a gestação nesta fase é uma condição que pode elevar as chances de complicações para a mãe, para o feto e para o recém-nascido, além de agravar questões socioeconômicas daquele grupo familiar. No Brasil, de acordo com o Governo Federal, a taxa é de 400 mil casos de gestações durante a adolescência ao ano, em 2019.


Compromissada com os beneficiários, o plano de saúde traz temas atuais e de interesse público sobre a saúde da população em lives.(Foto: Divulgação)

Maria Auxiliadora Budib explica as consequências da gestação na adolescência. “A gravidez nesse grupo pode estar mais associada a problemas de saúde, emocionais e sociais para as meninas, cuja maturidade para a maternidade ainda não está formada, acarretando problemas psíquicos para toda a vida, pois se encontra intimamente relacionada à violência sexual”.

De acordo com a médica, é preciso investir em informação para a juventude. “É necessário pensar e materializar ações sistematizadas, educativas e conscientizadoras, para que elas possam fazer suas escolhas de forma sensata, como protagonistas da própria vida”.

Acompanhe a live pelo link: https://register.gotowebinar.com/register/6061262770153992463

VEJA TAMBEM