Secretário municipal de Saúde Patrick Derzi durante apresentação do projeto na Câmara Municipal de vereadores. (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Ponta Porã por meio da Secretaria Municipal de Saúde aderiu ao Projeto: Ação Homeopática contra a Síndrome Respiratória Viral na Pandemia de Covid-19 – uso da homeopatia como fator de proteção adicional a ser desenvolvido juntamente com a Associação Médica Homeopática de Mato Grosso do Sul.

Segundo informou o secretário municipal de Saúde, Patrick Derzi a adesão do município a ação ocorreu após apresentação do Projeto feita por Regina Gattass, vice presidente da Associação Médica Homeopática de Mato Grosso do Sul, que sinalizou a doação de 80 mil doses de medicamento homeopático a população de Ponta Porã.

“O projeto alcançara a população nas Unidades Básicas de Saúde e Instituições do município de Ponta Porã, seguindo todos os protocolos necessários da área de saúde. Primeiramente foi apresentado e aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde em seguida a Câmara Municipal de Vereadores que também aprovou a ação como fator de proteção adicional na luta contra Covid-19” explicou Patrick Derzi.

A gerente de Atenção à Saúde do Município, Juliana Albertini lembrou que o projeto se encontra nas etapas de estruturação e organização para posterior atendimento à população.

“Tivemos uma reunião com os médicos e enfermeiros para explicar como funcionará a ação no município, organizando a distribuição em todas as unidades de saúde. Os agentes de saúde estarão cadastrando a população com nome, endereço, telefone daqueles que tem interesse no tratamento homeopático”.

Juliana Albertini disse ainda que a equipe da Secretaria Municipal de Saúde está organizando o cronograma para distribuição nas Unidades Básicas de Saúde com dias e horários que serão divulgados a população brevemente nos diversos meios de comunicação.

De acordo com o protocolo previsto no projeto, a distribuição dos medicamentos será feito pelos enfermeiros nas Unidades Básicas de Saúde com data programada a partir de 15 de setembro de 2020.

Será disponibilizado o medicamento em doses repetidas, dois glóbulos por dia por 3 dias, sendo que todas as faixas etárias da população poderá fazer o uso do medicamento, desde criança até idosos.

A Associação Médica Homeopática de Mato Grosso do Sul enfatiza que o principal objetivo do projeto é que o mesmo possa contribuir para a redução da incidência da COVID-19 e das formas grave da mesma, evitando a sobrecarga do sistema de saúde municipal, por meio da distribuição gratuita do medicamento homeopático Arsenicum álbum 30CH, como fator de proteção para a população de Ponta Porã.

Homeopatia

A homeopatia é uma ciência médica terapêutica desenvolvida há 220 anos e uma especialidade médica no Brasil desde 1980. Além da reconhecida aplicação nas doenças crônicas, a homeopatia individualizada também pode atuar de forma resolutiva ou complementar nos casos agudos, incluindo as doenças epidêmicas.

História no Brasil

Durante a epidemia de meningite em 1974, em Guaratinguetá/SP foram medicadas 18.640 pessoas menores de 15 anos (população total de cerca de 78.000 mil pessoas). Ao analisar resultados, segundo dois grupos (imunizados e não imunizados), chegou se a resultados finais considerados altamente significativos, com uma população de 18.640 pessoas imunizadas apenas 7 tiveram a doença.

Medicamento

O medicamento homeopático para ser utilizado como preventivo foi definido com base nos estudos dos sintomas das fases de evolução da COVID-19 relatados nos estudos observacionais retrospectivos de 99 casos infectados pelo SARS-Cov-2 no hospital de Wuhan, China. De posse da descrição do conjunto de sinais e sintomas da COVID-19, foram definidos medicamentos que abrangem o quadro da doença, ou seja, o medicamento do gênio epidêmico da COVID-19.

Posteriormente, os médicos homeopatas a AMHMS analisaram os sintomas e sinais das doenças em pacientes no Brasil e no Estado de Mato Grosso do Sul, definindo dentre as opções, o Metallum album como o medicamento adequado para conferir proteção populacional.