A Vigilância Sanitária de Dourados está intensificando ações de fiscalização nas farmácias e drogarias da cidade com foco na realização de testes para Covid-19.(Reprodução)

De acordo com Resolução da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), foi estendida a permissão para a realização dos testes rápidos para Covid-19 às farmácias e drogarias, que são consideradas estabelecimentos de saúde mais próximos à população. No entanto, alguns cuidados são necessários para que esta atividade seja realizada com qualidade e segurança.

A Vigilância Sanitária em Dourados alerta que os estabelecimentos devem estar autorizados. Devem manter, por exemplo, protocolos de biossegurança, que visam preservar a saúde dos pacientes e dos funcionários, como uso de equipamentos de proteção individual e higienização adequada das mãos e dos ambientes de trabalho. Outro fator importante é a utilização somente de materiais e reagentes aprovados pela Anvisa.

A gerência de Vigilância Sanitária de Dourados informa também que os estabelecimentos são obrigados a notificar ao sistema de Vigilância Epidemiológica todos os resultados dos testes realizados, a fim de que os casos suspeitos e confirmados sejam adequadamente monitorados e controlados para minimizar os riscos de contágio comunitário da Covid-19. O não cumprimento destes

requisitos sujeita os estabelecimentos às penalidades cabíveis conforme a legislação sanitária.

Para esclarecer dúvidas ou registrar queixa relacionada à realização dos testes rápidos para Covid-19, a Vigilância Sanitária atende pelo telefone 3424-0709.